Arquivos da Tag: monica schwarzwald

O Muro da Intolerância

Informativo Semanal de 12 a 18/1/2017 : Lua cheia em Câncer (12/1/17 às 09:34, horário de verão em Brasília)
lua-cheia-cancer
O Muro da Intolerância

Gosto de lembrar que, em toda fase de lua cheia, forma-se uma polaridade entre os signos do Sol e da Lua. No entanto, esta polaridade não significa divisão ou separação, mas complementaridade. No caso da lua cheia em Câncer, a polaridade envolvida é entre os signos de Capricórnio (Sol) e Câncer (Lua). Este eixo representa o arquétipo do tempo: o passado familiar e acolhedor de Câncer com a contrução de um futuro desconhecido, que deve ser alcançado com persistência e responsabilidade.

Uma frase que ouvi em um dos cursos do físico Amit Goswami, nunca me saiu da cabeça: “Todo arquétipo é bom”. De fato, não há como classificar arquétipos, pois eles são modelos e atributos da vida na Terra. Entretanto, o caos da mente arrogante da civilização faz emergir a “sombra” dos arquétipos. Às vésperas da lua cheia, no discurso do presidente eleito para os EUA, por exemplo, há várias manifestações de uma espécie de retrocesso, de “aberração temporal” com suas ideias xenófobas. Seu repúdio aos imigrantes é totalmente ignorante, uma vez que, nas Américas, praticamente todos são imigrantes ou descendentes, menos os indígenas que já habitavam o Novo Mundo. Esta “sombra” do arquétipo canceriano é evidente e estendida pelo fato de os EUA terem nascido sob o este signo (4/7/1776). em outra palavras, valores como tradição, família e propriedade serão muros que refletem uma necessidade de proteção, territorialidade, que unem-se à “sombra” capricorniana do medo da perda destes mesmos valores.

O avanço da liberdade, igualdade e fraternidade prometidos pela Era de Aquário tão esperada foi bloqueado e limitado. Enquanto em 1989 admirávamos a derrubada do muro de Berlim, outro ícone do preconceito e intolerância do pós-guerra, o século XXI traz severas marcas de intolerância, radicalismo e separativismo. Mais uma prova de que a humanidade como um todo precisa optar pelos valores da Era de Aquário como nos ensina a teoria quântica. Caso contrário, as crises que estamos vivenciando poderão aumentar em progressão geométrica, especialmente a partir de 2020 quando vivenciaremos um ciclo peculiar de conjunção entre Plutão e Saturno. Sabemos que, nas nossas experiências pessoais, resistir às mudanças naturais e plutonianas torna as perdas e a auto-destruição sementes de um desequilíbrio vital, mental, emocional e físico. A humanidade precisa se integrar de tal forma que não hajam fronteiras, raças, religiões ou qualquer outra diferença. Já estamos vivenciando as consequências catastróficas por causa da sua desconexão com a Natureza! O Iluminismo e seu racionalismo contribuiu muito para o caos na economia ecológica.

Plutão ingressou em Capricórnio no final de 2008 demarcando o começo da crise econômica com o fechamento de bancos nos EUA. Fatos com esta sincronicidade são alertas cósmicos para a revisão de valores nos níveis pessoal e mundial para a reestruturação de um futuro mais voltado a fontes recicláveis de energia, por exemplo, sem a depredação da Natureza. A crise está se alastrando, e o descaso e o embotamento só contribuem para a insatisfação, o abismo crescente entre as classes sociais, alimentando as dualidades, o ódio e a violência. Quando será que iremos aprender e retomar o caminho para o futuro?

Mudanças profundas ? Tente unir as dualidades primeiro.

lua cheia escorpiãoAlguém aí acredita que nosso país crescerá debaixo de tantas brigas, agressões, cusparadas e tantas divergências? A Lua Cheia em Escorpião em 22/4/2016 às 2:25 oferece um esclarecimento para nossa situação atual. Afinal, toda lua cheia clareia a noite, exalta conceitos humanos sob a luz da consciência solar. O eixo do Sol em Touro e da Lua em Escorpião revela o arquétipo do estável contrapondo o instável, da ilusão da permanência material reagindo à reciclagem das profundezas impermanentes da alma. Uma coisa é certa para nosso modelo governamental: como está, não pode ficar. O acúmulo compulsivo em busca do poder enfrenta a morte implacável do reino de Hades e seu submundo. A corrupção é um vício da sombra mais torpe de Escorpião. Nada é suficiente. A inveja e o controle estão cegando indivíduos egoístas que deveriam zelar pela democracia.

Mas a competitividade e a dualidade encontraram terreno fértil no povo que deveria estar alerta para o vício e a continuidade da usurpação, ao invés de celebrar ou chorar por um impedimento governamental que pode refletir uma transformação profunda no futuro se este mesmo povo estiver consciente e unido. A mudança superficial é assim: a vingança e a exposição leva à perda momentânea e substituição, no entanto não existe cura verdadeira, apenas compensações. Vibrar e trabalhar pelo propósito comum, rever valores e sua distribuição são ferramentas para uma transformação profunda! Este é o fundamento do eixo Touro-Escorpião: nada se perde, tudo se recicla. A “perda” só é dolorosa quando existe a resistência, o apego e a falta de fé na Natureza que é sábia e una. O abismo da competitividade contribui com a dualidade que promove tudo o que gera infelicidade: as realidades não colapsam, os propósitos são superficiais, a ansiedade e a depressão só são controladas por drogas.

Urano e Vênus em Áries encontram-se em conjunção exata. O comunitário e a totalidade precisam ser mais valorizados ou o estado de destrutividade aflora. Urano foi descoberto em 1781, às vésperas da Revolução Francesa e pouco após a independência dos EUA. A liberdade, igualdade e a fraternidade precisam ser respeitadas e abraçadas por todos, sem exceção.

A satisfação permanente com a Luz Divina independe de controle. Este plenilúnio é dedicado a Wesak, festival budista de iluminação e harmonia.

Proteção e Ilusão

lua cresc câncerNeste quarto-crescente da Lua em Câncer (14/4/2016 às 01:00, Brasília) reflitam por alguns momentos sobre todos os sistemas de proteção e sua eficiência: vacinas, alarmes, vigilância e outros procedimentos. Nossa tendência é, cada vez mais, utilizá-los de maneira irracional. Ouve-se falar sobre um surto de gripe H1N1 e as filas nos postos de vacinação se agigantam. Um atentado terrorista dirige uma grande parcela da população rumo ao preconceito. Isto sem contar no âmbito da alimentação, pois um cheesburguer pode exterminar sua vida.

Neste longo ciclo de Urano em Áries, principalmente quando enquadrado por Plutão em Capricórnio, temos que ficar alertas quanto aos radicalismos que nos conduzem a atitudes imediatistas sem a menor reflexão. Quando deixamos a mídia se imiscuir e fortalecer seus tentáculos nos vários aspectos da nossa vida, reagimos como animais acuados e medrosos diante de ameaças fantasmas. Não estou dizendo que não exista um surto, que o terrorismo não é real, mas a proporção que alguns fatos tomam afeta nosso discernimento. Esquecemos, por exemplo, que os sistematizadores da Homeopatia como Hahnemann ou Kent afirmaram há muito tempo que o microrganismo não provoca a doença, mas sua causa é tão sutil que não é possível de identificá-la nem por um microscópio. Precisamos ver além do que a realidade alcançável pelos nossos olhos abarca. O estado de pânico e de cerceamento dos direitos da cidadania também não se configura como uma solução saudável para a violência e sua pior manifestação: o terrorismo.

Marte em Sagitário em aspecto fluente com Vênus em Áries é um convite ao risco em abandonar a zona de conforto que pode ser interpretada como zona do medo. Apaixonar-se por um conhecimento ou ideal é o primeiro passo para recuperar o senso crítico diante dos produtos que a matrix nos apresenta.

Júpiter em Virgem também faz um aspecto fluente com Mercúrio em Touro: a abertura e expansão para novos conhecimentos, sem perder a racionalidade e o criticismo, mas permeando a mente com flexibilidade para a captação de novos paradigmas.

É isto aí, pessoal. Pensem muito antes da aquiescência cega. Muitas vezes, ter uma visão e opinião diferente da maioria em estado de normose pode nos levar à solidão e ao estranhamento por parte da sociedade. Vejam pelo lado otimista : é na solidão que conseguimos silenciar a mente e nos aprofundar mais ainda no Eu Sou.

Informativo Semanal : Lua Minguante em Capricórnio

lua ming capriChegamos ao momento do ciclo lunar de banimento e introspecção. Aquilo que não reagiu a nossas iniciativas e decisões arianas, deve ser reciclado. O quarto-minguante deste ciclo lunar encontra-se em Capricórnio e a decisão de abandono, desistência e eliminação pode ser dolorosa. Capricórnio é um signo do elemento terra e de modalidade cardinal. Suas conquistas representam o sucesso e o prestígio alcançado. Desapegar-se e reconhecer que suas ações degeneraram em fracasso são manejos que demandam uma resignação muito grande. E é assim que Capricórnio sai vitorioso: quando reconhece seus erros e adquire a iluminação de perscrutar outros valores e outras formas de sucesso mais sutis e menos acumuladoras de bens, títulos e outros favorecimentos do mundo material. Após o momento exato deste quarto-minguante (31/3/16 às 12:18) a Lua ruma em direção a Plutão adiantado em Capricórnio apenas alguns graus em relação ao momento da fase lunar vigente. A introspecção e o desapego da situação aparentemente estável e sólida representa o salto quântico nesta linguagem planetária. O firme propósito de controlar o futuro e o medo da perda da posição exuberante mas volátil dá lugar à flexibilidade mental representada pela conjunção entre Urano e Mercúrio em Áries. Urano é libertador neste aspecto e a liberdade de pensar é a liberdade de criar e de enxergar novos mundos, perceber realidades fora dos limites impostos pela cultura materialista atual. Saturno em Sagitário em quadratura com Júpiter em Virgem chega ao auge neste ciclo demonstrando a necessidade de alçar voos e romper com limites e dogmas impostos pelo racionalismo cético e mesquinho. Questionar-se é importante, mas não apenas com “bases científicas mecanicistas” mas ouvindo a voz da intuição e confiando nas escolhas coerentes com verdades muito mais particulares e sutis do silêncio e da indubitável metafísica.

Imagem

Informativo Semanal : Lua Minguante em Sagitário (29/2 a 7/3/2016)

Imagem

Informativo Semanal : Lua Cheia em Virgem (22 a 29/2/2016)

Imagem

Informativo Semanal : Lua Crescente em Touro (15 a 21/2/2016)

Imagem

Informativo Semanal : Lua Nova em Aquário (8 a 14/2/2016)

Imagem

Informativo Semanal : Lua Minguante em Escorpião (01 a 7/2/2016)

Imagem

Informativo Semanal : Lua Cheia em Leão