Arquivo do Autor: Mônica Schwarzwald

Lua Nova em Virgem & Equinócio de Primavera

Informativo Semanal Templo de Minerva

Lua Nova em Virgem (20/09/17 às 02:29, horário de Brasília)
EQUINÓCIO DE PRIMAVERA (22/9 às 17:01)

Período: de 20 a 27/9/2017

CALENDÁRIO DE CURSOS : 07/10 – Árvore da Vida – Caminho da Arte ♐ e apresentação de experimento espargírico da destilação
📚28/10 – Fundamentos da Astrologia – Módulo Signos

Várias pessoas perguntaram-me por estes dias sobre o “alinhamento do dia 23/9”. Por incrível que pareça, a Astrologia também é vítima dos SPAMs e notícias falsas criadas por quem não tem o que fazer. A mídia tem se tornado um eficiente Big Brother (estou falando daquele do “1984”) em domar a atenção e a cognição das pessoas que costumam flutuar nas redes. O detalhado e preventivo senso crítico de Virgem existe com esta finalidade: utilizar a lógica e o poder analítico que nossa mente possui. As facilidades eletrônicas estão fazendo as pessoas pararem de pensar, raciocinar, tudo vira um “micro-ondas”: basta apertar alguns botões e a comida sai prontinha em alguns minutos. Esta preguiça mental crônica é estratégica pois, se a população deixa de pensar, analisar, criticar, as chances das corporações e governos perpetuarem seu vampirismo são sempre maiores. A presença de 5 astros -não alinhados- no signo de Virgem nesta lunação permite que esta energia predomine e a verificação detalhada da nossa rotina, trabalho e hábitos possa dar mais sentido e utilidade para os mesmos, sem a interferência robotizante da mídia sensacionalista. Por outro lado, há de se reconhecer a “sombra” virginiana neste momento de transição que nosso sistema solar atravessa. A crise das ciências materialistas que não aceitam os novos paradigmas quânticos é a mais evidente. “A ciência comprova” é um jargão que apazigua o cidadão e, sem perceber, ele acredita em métodos obsoletos extremamente específicos que julgam, por exemplo, o que é bom ou ruim para sua saúde ou alimentação. O que este cidadão não sabe é que estes métodos obtêm resultados ilusórios, manipulados, pois a ciência determinista separa o sujeito do objeto da experiência. No entanto, a mecânica quântica já demonstrou que sujeito e objeto estão interconectados na experiência, portanto o resultado depende da observação do sujeito. Mas o fanatismo racional nega este fato, por isto que somos bombardeados de recomendações dúbias a respeito do café, do ovo e tantas outras coisas que não me ocorrem mais. Se nos pautarmos exclusivamente na ciência minunciosamente materialista, não saberemos o que fazer. Continue lendo

Destilação do Eucalipto

Eucalipto (Eucalyptus globulus)

Árvores de eucalipto na minha chácara no Lago Oeste, DF, das quais obtive a matéria prima.

Árvore de grande porte medindo até 60m de altura. É rara a floração e a frutificação desta espécie no Brasil. É originária da Tasmânia e introduzida no sul do Brasil no início do séc. XX. Espécies congêneres da original são cultivadas para obtenção de madeira, celulose, fabricação de papel ou para extração do óleo essencial medicinal.

Recomendações:

As folhas dos ramos adultos, colhidos no verão e secas ao ar, são usadas tanto nas práticas caseiras da medicina popular, como pela indústria farmacêutica para obtenção de tintura e do óleo essencial de onde é separado o eucaliptol, em ambos os casos como anticatarral. Nas práticas caseiras, o chá preparado com 4-6 folhas bem picadas em água fervente na quantidade suficiente para uma xícara das médias, é usado para fazer a inalação dos vapores de água fervente com as folhas e também empregada para o tratamento da gripe, congestão nasal e sinusite. A análise fitoquímica das folhas mostra como principal componente o óleo essencial que tem mais até 80% de 1,8 cineol ou eucaliptol, acompanhado de vários monoterpenos, sesquiterpenos, álcoois, cetonas, aldeídeos e ésteres. Tanto o óleo essencial como o extrato aquoso das folhas são ativos contra Staphylococcus aureos, eficazes no tratamento da laringite. Em uso local, o cineol serve como anestésico suave e antisséptico, sendo recomendado em cosméticos para remover manchas na pele, com vantagem de não causar irritação. Por sua capacidade de ser absorvido pela pele e eliminado pelos pulmões, é usado também em unguentos antigripais.

Fonte:
Plantas Medicinais no Brasil – Nativas e Exóticas; Harri Lorenzi, F.J. Abreu Matos, 2ª Ed. 2008; Instituto Plantarum de Estudos da Flora LTDA.

Regência planetária:

Pela ênfase no sistema respiratório, Mercúrio em Gêmeos é atribuído a esta planta. A capacidade mercurial de transitar entre sistemas (“absorvido pela pele e eliminado pelos pulmões”) é determinante para sua regência.

Procedimento:

Astróloga e taróloga que sou, não poderia começar uma operação espargírica sem utilizar minhas ferramentas de conexão com o Macrocosmo. Antes até mesmo de colher as folhas, fiz uma breve meditação e a sincronicidade me trouxe o Ás de Copas do belíssimo tarot alquímico de Robert Place (vide figura). Ele representa a semente ou a raiz de algo novo no campo das emoções e sentimentos.

De fato, esta seria a minha primeira prática em destilar ervas aromáticas e, minha motivação para adentrar ao reino da Espargiria foi puramente sentimental. Estudo Alquimia há anos, mas trabalhar com as plantas, seja cultivando-as ou manipulando-as, é algo que faço por puro prazer e com o mais profundo Amor. E é exatamente o que representa esta belíssima carta.

Antes de colher as folhas dos eucaliptos, pedi permissão às árvores que já estavam precisando de uma boa poda. Durante a lua minguante, o momento não poderia ser mais perfeito. Depois de me conectar com as árvores, procedi a poda. Não foi muito difícil, já que sua madeira é macia.

Selecionei e lavei as folhas antes de inseri-las no aludel. Obtive cerca de 700g de folhas de eucalipto. Não piquei com a faca, mas rasguei-as com as mãos.

Liguei o sistema exatamente às 13:26 e, claro, fiz o mapa astrológico da destilação. Interessante que, quando destilei a água para os processos, Plutão estava no MC, ou seja, em situação proeminente assim como no começo da minha destilação de eucalipto, no ASC. Tenho Plutão no MC em meu mapa natal, um dos fatores que me confere o talento de terapeuta. Além disto, naquele momento havia um stellium na 8ª casa (transformações, morte, cura, psique): lua, Vênus em leão; Marte e mercúrio em Virgem. É claro que todo o conhecimento que adquirimos, nos transforma, muda nossa percepção e visão de mundo. Júpiter é o planeta que estava no zênite e isto me animou, pois a partir desta primeira experiência, a onda de possibilidades se expandiria e muitas outras virão! Saturno enquadrando o Sol alertou-me sobre o tempo, que eu deveria fazer tudo com paciência e calma e atenta às regras e detalhes operacionais. Como vocês podem ver no vídeo abaixo, a destilação estava muito veloz após duas horas. Decidi diminuir a temperatura, já que o processo espargírico nos ensina a paciência, a concentração e a vivência consciente de cada etapa.

Foi muito gratificante ver o óleo essencial se destacando da mistura com sua coloração verde. O perfume se espalhou pela casa toda (vide vídeo abaixo).

Após 7 horas, aproximadamente, de destilação, desliguei o sistema. Percebi que, ao esfriar, o óleo, antes concentrado acima no balão, dividiu-se em pequenas bolhas espalhadas. Como parte final deste trabalho, deixei a mistura recebendo a energia dos primeiros raios de Sol. Com o leve aquecimento, as pequenas bolhas voltaram a unir-se.

Conclusão:

Tenho rinite desde que mudei para o DF. Aqui existem duas estações no ano: uma chuvosa e outra seca. A estação seca é literalmente seca. A umidade atinge níveis baixíssimos, ficamos meses sem uma gota de chuva e os incêndios contribuem para os problemas respiratórios. A inalação de folhas de eucalipto me ajuda bastante, mas a congestão nasal é constante e dependo do Naridrin para respirar. Qual não foi a minha surpresa, quando ao longo do tempo em que eu estive em contato com o odor provindo da destilação, não espirrei, não tive congestão e, muito menos, coriza? Percebi que a energia de Plutão no ASC voltou-se para mim, a autora do processo. 24 horas depois, ainda estou sob o efeito desta “inalação intensiva” e respirando bem, sem o auxílio do Naridrin.

Ainda não obtive o meu funil de separação que está a caminho. Minha intenção é gotejar o hidrolato no meu nariz e perceber se o efeito descongestionante perdura.

Informativo Semanal : Quarto Minguante em Gêmeos

Informativo Semanal Templo de Minerva

Quarto Minguante em Gêmeos (13/09/17 às 03:24, horário de Brasília)

Período: de 13 a 19/9/2017

Como não ficarmos presos a nossas auto-referências e representações da realidade cada vez mais fragmentadas? A quadratura entre Sol em Virgem e Lua em Gêmeos é complementada por Saturno em Sagitário na forma de um triângulo formado por aspectos tensos. Três signos mutáveis tentando ajustar o espírito crítico/analítico (Virgem) às informações (Gêmeos) em meio a restrições ideológicas ou doutrinárias (Saturno em Virgem). É pensar demais e não chegar à nenhuma conclusão. Por outro lado, o contato entre Marte e Mercúrio, ambos em Virgem, impulsiona fazer a escolha o mais rápido possível, apelando para os instintos que acabam distorcendo a avaliação pormenorizada virginiana. Diante disto e, pelo fato de que estaremos na melhor fase para banir, minguar, a melhor opção é adaptar-se ao minimalismo em nossa rotina e em nosso pensamento. Ater-se apenas ao necessário e abster-se de futilidades e excessos no dia a dia. Assim, você se livra da sobrecarga de atividades que transfere para sua mente todos os tipos de preocupação. Sobra mais tempo para a ociosidade criativa e para questionar-se da razão para tanta coisa! Minimalismo é isto, o pouco com significado, concentração e foco, gerando motivação.

Calendário biodinâmico: 13/9 : corte de bambus e madeira para construção. Entre 14 e 15/9: manutenção de hortaliças e ervas medicinais. Consumo de chá detox (carqueja, boldo e capim-santo). De 16 a 18/9: transplantes de mudas, especialmente frutíferas. Rituais de banimento energético, banhos com alecrim e arruda.

Informativo Semanal : Lua Cheia em Peixes

Informativo Semanal Templo de Minerva

Lua Cheia em Peixes (06/09/17 às 04:02, horário de Brasília)

Período: de 06/9 a 12/9/2017

Chegamos ao plenilúnio que envolve o eixo mutável Peixes (Lua) e Virgem (Sol) quando a Natureza se encontra no ápice da introspecção do inverno e já quer se adaptar à Primavera. Este é o eixo da TRANSCENDÊNCIA – IMANÊNCIA e corresponde à era que está finalizando, ou seja, à Era de Peixes.

Estas duas qualidades que deveriam estabelecer a mais perfeita harmonia entre a espiritualidade ou o mundo sutil (transcendente) e o mundo manifesto ou material (imanente) parecem estar se engalfinhando e distanciando-se uma da outra. Isto não condiz com o holismo previsto para a Era de Aquário. Portanto, podemos chegar às seguintes conclusões: a Era de Aquário não é nada daquilo que foi preconizado ou a Humanidade está criando uma realidade avessa a seu próximo patamar evolutivo. Voto na segunda alternativa, pois compartilho da visão de mundo quântica que sustenta o livre arbítrio. No entanto, nossa liberdade ou livre arbítrio se anula quando renegamos o salto quântico evolutivo, seja resistindo aos novos conceitos ou conspirando para o caos coletivo. Continue lendo

Estudo Teórico e Prático da Árvore da Vida – Arcano do Diabo

O estudo teórico e prático de cada um dos 22 caminhos da Árvore da Vida tem como princípios evolutivos o auto-conhecimento por meio do processo alquímico. Trata-se do desenvolvimento de uma filosofia sustentada e estruturada por dois pilares: Conhecimento e Prática. O Conhecimento é atingido através do estudo e pesquisa das ciências herméticas e do novo paradigma quântico. A Prática é feita por meio de treinamentos e rituais de concentração, visualização e meditação até o indivíduo atingir o processo alquímico que o aproximará do seu “ouro primordial” (aurum nostrum non est aurum vulgi) que tem por base a filosofia da Era de Aquário, Thelema, inaugurada por Aleister Crowley no seu “Livro da Lei” (Liber Al Vel Legis) adaptada aos novos paradigmas da teoria quântica atual. Continue lendo

Informativo Semanal : Quarto Crescente em Sagitário

Informativo Semanal Templo de Minerva

Quarto Crescente em Sagitário (29/08/17 às 05:12, horário de Brasília)

Período: de 29/8 a 05/9/2017

A lua crescente em Sagitário nos convida a novas aventuras, especular novos conhecimentos, ultrapassar limites e abranger um mundo maior do que nossa atual visão consegue alcançar. Saturno transita por Sagitário desde o final de 2014 estabelecendo seriedade e comprometimento mediante a expansão destas novas perspectivas para que o fanatismo e outras visões distorcidas não sobrevivam. O otimismo e o movimento expansivo de Sagitário precisam se adaptar às circunstâncias de um tempo em que a cautela é fundamental. As crises se acumulam e a exploração dos recursos naturais, por exemplo, necessitam de limites drásticos urgentemente. Continue lendo

Informativo Semanal – Edição Especial – Eclipse Total do Sol

Informativo Semanal Templo de Minerva

*** Edição Especial ***

Eclipse Total do Sol (21/08/17 às 15:30, horário de Brasília)

Período: de 21 a 28/8/2017

Desde o começo do ano, fala-se, questiona-se, especula-se sobre este eclipse. De fato, existem algumas sincronicidades muito peculiares a seu respeito:

  1. Abrangerá em sua totalidade praticamente todo o território dos EUA;
  2. Sua ocorrência coincidirá com o grau do ascendente do presidente dos EUA, Donald Trump.

Deixemos as interpretações fatalistas e deterministas para a era pré-medieval e vamos utilizar esta ferramenta maravilhosa que temos que é o raciocínio. Melhor dizendo, vamos raciocinar com base no princípio da correspondência hermético ou na interconexão entre partículas quânticas que nos revelam o monismo universal. Se no macrocosmo haverá um “apagão” momentâneo abrangendo tanto regiões físicas do planisfério quanto regiões do mapa astrológico de cada indivíduo no microcosmo, podemos concluir que precisamos estar alertas a possíveis “apagões”. Este “apagão” que ocorrerá na lunação de amanhã é o bloqueio da luz do Sol pela interposição da Lua entre ele e a Terra. Em outra palavras, podemos interpretar este fenômeno como um bloqueio do consciente ou do “Eu Sou” do Sol domiciliado em Leão pela “sombra” inconsciente ou instintiva. Lucidez é a palavra-chave neste momento tão crucial da nossa História. A sede pelo poder, o radicalismo, o “amor” absoluto por alguns partidos ou governantes estão bloqueando o discernimento de uma parte considerável de seres humanos que acabam se auto-denominando arautos da verdade, julgando e discriminando aqueles que são diferentes ou não seguem as regras impostas. Esta é a descrição do eclipse total solar em Leão, signo da personalidade e da auto-expressão, cujo ponto cego ou “sombra” é a imposição de sua vontade e individualismo, custe o que custar. Continue lendo

Informativo Semanal : Quarto Minguante em Touro

Informativo Semanal Templo de Minerva

Quarto Minguante em Touro (14/08/17 às 22:16, horário de Brasília)

Período: de 14 a 20/8/2017

Touro é um signo do elemento Terra, modalidade Fixo, e sua lua minguante sintoniza-se com nossas necessidades de leveza a partir do desapego dos símbolos de estabilidade e tudo aquilo que, ilusoriamente, não podemos nos desfazer no mundo manifesto. Em outras palavras, o medo das mudanças, da morte ou de qualquer perda nos direciona consciente ou inconscientemente à inércia da estabilidade e pseudo-segurança. Percebemos que as transformações no mundo estão se acelerando em todos os níveis. Desde a entrada de Plutão em Capricórnio no final de 2008, tem-se questionado a respeito dos verdadeiros valores em paralelo com o a crise econômica e ecológica que se alastrou. Touro tende a acumular, reter, conservar e reservar para resistir às mudanças e evitar as perdas. Seu salto quântico é converter-se ao taoísmo e deixar que o fluxo contínuo da sobreposição de ondas quânticas e a incerteza advinda encarreguem-se do inevitável. A posse taurina fragmenta-se e a contemplação da Natureza e suas riquezas impermanentes podem tornar-se o valor supremo taurino. A estabilidade não passa de uma ilusão de controle, uma crença de infinitude do sistema e da própria existência. Basta ver a insanidade no trânsito para perceber que muitos motoristas acreditam ser imortais ou inatingíveis. Continue lendo

Informativo Semanal : Lua Cheia em Aquário

Informativo Semanal Templo de Minerva

Lua Cheia em Aquário (07/08/17 às 15:12, horário de Brasília)

Período: de 7 a 14/8/2017

Todo o plenilúnio em Aquário é apropriado para uma bela meditação/visualização sobre a Era respectiva que avança a passos largos, apesar das resistências, preconceitos, muros e fanatismos que promovem a desunião entre os seres humanos. Semana passada, soube que existem escolas onde os gêneros são separados. Meninos e meninas têm aulas em salas separadas, professores diferentes e até mesmo, recreios separados. Achei que era uma nova aberração do separatismo mecanicista, mas trata-se de um método até comum na Grã-Bretanha e nos EUA. Aqui no Brasil, até onde sei, existe uma escola separatista em Curitiba. Fiquei espantada, pois no mundo real homens e mulheres interagem, claro. O que será da estrutura e amadurecimento psíquico destas crianças que convivem em um sistema homogêneo a partir do começo de suas vidas? Fala-se tanto em aceitar as diversidades para evitar-se a diversidade mais fundamental? Considero este método mais um sinal da resistência compulsiva à unicidade aquariana. Continue lendo

Informativo Semanal : Quarto Crescente em Escorpião

Informativo Semanal Templo de Minerva

Quarto Crescente em Escorpião (30/07/17 às 12:24, horário de Brasília)

Período: de 30/7 a 06/8/2017

No momento desta lua crescente em Escorpião, o Sol em Leão conjunto a Marte estará no zênite, ou seja, ambos no apogeu celeste. Esta combinação representa o máximo poder de escolha e a coragem de enfrentar oposições. Marte em Leão é frequentemente encontrado em mapas natais de líderes políticos e militares. Sua combinação com o Sol em domicílio neste signo incrementa a certeza e a segurança de fazer as escolhas certas em posição de liderança. O problema surge quando o ego e a necessidade de controle assumem a personalidade. Por isto que o ângulo de 90º realizado pela Lua em Escorpião representa a transformação da necessidade de controle em sensibilidade psíquica suficiente para entender os limites do poder: delegar, compartilhar, ouvir as outras opiniões e ideias auxilia o comando de um Marte em Leão. Querer manter o controle e o domínio totalitário é sinônimo de medo, insegurança e pode facilmente resvalar no autoritarismo extremo que destrói todas as chances daqueles que discordam com sua posição ou verdade absoluta. Continue lendo