Informativo Semanal : Quarto Minguante em Touro

Informativo Semanal Templo de Minerva

Quarto Minguante em Touro (14/08/17 às 22:16, horário de Brasília)

Período: de 14 a 20/8/2017

Touro é um signo do elemento Terra, modalidade Fixo, e sua lua minguante sintoniza-se com nossas necessidades de leveza a partir do desapego dos símbolos de estabilidade e tudo aquilo que, ilusoriamente, não podemos nos desfazer no mundo manifesto. Em outras palavras, o medo das mudanças, da morte ou de qualquer perda nos direciona consciente ou inconscientemente à inércia da estabilidade e pseudo-segurança. Percebemos que as transformações no mundo estão se acelerando em todos os níveis. Desde a entrada de Plutão em Capricórnio no final de 2008, tem-se questionado a respeito dos verdadeiros valores em paralelo com o a crise econômica e ecológica que se alastrou. Touro tende a acumular, reter, conservar e reservar para resistir às mudanças e evitar as perdas. Seu salto quântico é converter-se ao taoísmo e deixar que o fluxo contínuo da sobreposição de ondas quânticas e a incerteza advinda encarreguem-se do inevitável. A posse taurina fragmenta-se e a contemplação da Natureza e suas riquezas impermanentes podem tornar-se o valor supremo taurino. A estabilidade não passa de uma ilusão de controle, uma crença de infinitude do sistema e da própria existência. Basta ver a insanidade no trânsito para perceber que muitos motoristas acreditam ser imortais ou inatingíveis.

Vênus, astro regente de Touro, encontra-se em Câncer em oposição exata a Plutão em Capricórnio. Esta sincronicidade é relevante e vem ao encontro do que estamos confabulando neste informativo: Neste aspecto, Plutão convida não muito gentilmente Vênus a livrar-se das ilusões e nostalgias da eternidade de valores, pessoas, cidades, países, empregos e o provoca a revelar o que está por trás das tradições e costumes. Durante crises como esta irrompidas principalmente por perdas é que devemos abandonar o tradicional e o seguro. Nada existe, tudo são possibilidades que manifestam transitoriedades.

Calendário biodinâmico: Até 15/8 (manhã): corte de madeira para construção, colheita de tubérculos. Drenagem linfática. De 15 (tarde) até 17/8: corte de bambus, podas para produção de matéria seca e manejo de jardins, flores. Respiração pranayama para limpeza e equilíbrio dos chakras. De 18 a 20/8: transplantes de mudas de hortaliças, PANCs e ervas medicinais. Infusão com as seguintes ervas para desintoxicação: carqueja, boldo e capim-santo.

Be Sociable, Share!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *